Arquidiocese de
Vitória da Conquista

/
História da Arquidiocese

História da Arquidiocese

Compartilhar:

A Diocese de Vitória da Conquista (BA) foi criada a 27 de julho de 1957, pela Bula “Christus Iesus” do Papa Pio XII, com território inteiramente desmembrado da Diocese de Amargosa (BA). Foi canonicamente instalada no dia 15 de agosto de 1958, com a posse de seu primeiro Bispo Dom Jackson Berenguer Prado. Aos 16 de janeiro de 2002, pela Bula “Sacrorum Antistites” do Papa João Paulo II, foi criada a Província Eclesiástica de Vitória da Conquista, desmembrada da Província de São Salvador da Bahia, com sede em Vitória da Conquista, integrando as Dioceses de Caetité, Livramento de Nossa Senhora, Bom Jesus da Lapa e Jequié. A instalação desta Arquidiocese se deu no dia 17 de março de 2002, com a posse do seu primeiro Arcebispo Dom Geraldo Lyrio Rocha.

Bispos

Dom Jackson Berenguer Prado
(1º Bispo)

Dom Climério Almeida de Andrade
(2º Bispo)

Dom Celso José Pinto da Silva
(3º Bispo)

Arcebispos

Dom Geraldo Lyrio Rocha
(1º Arcebispo)

Dom Luís Gonzaga Silva Pepeu, OFMCap
(2º Arcebispo - Emérito)

Dom Josafá Menezes da Silva
(3º Arcebispo)

 

A Arquidiocese de Vitória da Conquista (Archidioecesis Victoriensis de Conquista) é uma circunscrição eclesiástica da Igreja Católica no Brasil. Sendo Sé Metropolitana da Província Eclesiástica de Vitória da Conquista e pertencendo ao Conselho Episcopal Regional Nordeste III da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil.

Demografias e Paróquias

Em 2022, a Arquidiocese contava com uma população aproximada de 790.660 habitantes. O território da Arquidiocese é de 25.089 km² e organizado em 35 paróquias, na região Sudoeste do Estado da Bahia.

A Arquidiocese abrange os seguintes municípios: Vitória da Conquista, Anagé, Barra do Choça, Belo Campo, Bom Jesus da Serra, Caatiba, Caetanos, Cândido Sales, Encruzilhada, Ibicuí, Iguaí, Itambé, Itapetinga, Itarantim, Macarani, Maiquinique, Nova Canaã, Planalto, Poções e Ribeirão do Largo.

Confira, abaixo, os dados populacionais das cidades pertencentes à jurisdição da Arquidiocese de Vitória da Conquista:

CENSO IBGE (2022)

HABITANTES

Vitória da Conquista

370.868

Itapetinga

65.897

Poções

48.293

Barra do Choça

36.539

Anagé

25.438

Cândido Sales

25.247

Itambé

24.394

Planalto

23.135

Macarani

21.599

Iguaí

21.358

Encruzilhada

19.107

Belo Campo

18.412

Itarantim

17.052

Ibicuí

13.934

Nova Canaã

13.715

Caetanos

11.266

Ribeirão do Largo

9.740

Bom Jesus da Serra

9.730

Maiquinique

8.731

Caatiba

6.205

Mapa da Arquidiocese, dividido por Vicariatos:

Territorio-da-Arquidiocese-de-Vitoria-da-Conquista-1024x724

Limites

A Arquidiocese de Vitória da Conquista faz limites com a Dioceses de Jequié (BA), Livramento de Nossa Senhora (BA) Itabuna (BA), Ilhéus (BA), Eunápolis (BA), Araçuaí (MG), Almenara (MG) e Janaúba (MG).

Compartilhar: