Pe. Mairton Marques do Amaral Sales, se despediu, depois de quase 7 anos, da Paróquia Senhor do Bonfim e Santa Rita de Cássia, em Planalto, no último domingo, 29 de janeiro.

Os momentos de despedidas começaram a tarde, com a Missa no Distrito de Lucaia e a noite na Matriz. A Santa Missa foi presidida por ele e concelebrada pelo Pe. Rosenildo Pereira e Pe. Daniel Gomes, com a presença dos seminaristas: Luís Augusto e Saulo, além de familiares do Pe. Mairton.

A emoção tomou conta do ambiente, vínculos afetivos foram formados com todos os fiéis pelo decorrer dos anos, não apenas na cidade de Planalto, mas também em outros territórios da Arquidiocese de Vitória da Conquista.

Em certa ocasião o Papa Bento XVI disse que “Ser Padre não é uma tarefa fácil”. Ele estava certo. Para que os padres cumpram com fidelidade e amor o seu múnus sacerdotal, eles precisam passar por diversas situações, como renúncias, idas e vindas, alegrias, encontros e resignação. Isso inclui chegar, se estabelecer e ser com os seus para depois partir.

“Nossa paróquia hoje, consternada, mas agradecida, passa pelo doloroso momento da despedida deste magistral sacerdote, o Pe. Mairton Marques. Ele, que por quase sete anos esteve à frente da nossa paróquia, se despediu dos seus paroquianos numa Celebração Eucarística marcada por muita emoção, alegria, recordação, homenagens tanto a ele quanto ao Pe. Daniel Gomes, e muita gratidão”, disse em matéria, a PASCOM Paroquial, em nome da Paróquia.

Pe. Daniel, também da Diocese de Afogados, colaborou junto ao Pe. Mairton durante alguns meses na Paróquia.

O Padre Mairton, é presbítero da Diocese de Afogados da Ingazeiras, no estado de Pernambuco, da qual, saiu em 2016 para vim servir a nossa Arquidiocese. E agora, o Reverendo retorna para sua terra de origem, deixando um legado em todo espaço Arquidiocesano de Vitória da Conquista, mais profundo ainda, na Paróquia do Senhor do Bonfim e Santa Rita.

Dias depois da Missa de despedida, na véspera da viagem do Pe. Mairton de volta a Pernambuco, Dom Josafá, acolheu na casa episcopal para uma conversa e despedida. No dia seguinte, 2 de fevereiro, dirigiu os agradecimentos ao Padre, virtualmente, pelos anos de serviço prestado para a Arquidiocese e também para a Paróquia na qual foi Pároco, dizendo: “Caro, Pe. Mairton,

Rendo graças ao Bom Deus, pela vida do senhor, em especial a vocação sacerdotal, ao qual foi chamado a servir e dar testemunho de Cristo.

Sou grato pelos 7 anos de serviço prestado à Arquidiocese de Vitória da Conquista, de modo particular na Paróquia Senhor do Bonfim e Santa Rita, em Planalto.

Peço a Virgem das Vitórias, que o abençoe e o proteja na volta para a Diocese de Afogados da Ingazeira (PE.)

Fonte: texto e imagens, PASCOM – Paróquia Senhor do Bonfim e Santa Rita.